phishing

5 Formas de identificar emails fraudulentos

checklist

E-mails de Phishing são os mais utilizados pelos Hackers para terem acesso ás vossas informações. Recentemente os Hackers estão a utilizar as notícias do COVID-19 para esconder as suas intenções maliciosas. Estes e-mails normalmente podem-se parecer a e-mails que habitualmente recebe, mas mostram sinais que são emails de SPAM ou MALICIOSOS.

Domínio incorreto no endereço de e-mail

Os hackers  geralmente “atacam” empresas ou instituições conhecidas usando o nome do domínio na secção “De:”.  No entanto, se prestar atenção, o e-mail é completamente diferente. Verifique sempre duas vezes os campos “De:” e “Assinatura:”. E-mails de empresas respeitáveis terão sempre esta informação como uma verificação de segurança para os seus clientes.

Linguagem urgente ou ameaçadora

E-mails que exijam que você tome uma medida imediata ou então a perda de uma oportunidade, é apenas uma distração para não se dar conta de outros problemas que esse email tenha.

Anexos suspeitos ou LINKS incorretos

Por vezes os hackers, numa tentativa de imitar outros e-mails dentro da sua caixa de entrada, incluirão anexos ou links que podem parecer semelhantes a outros que recebe regularmente. Por exemplo, milhões de pessoas usam a plataforma de partilha Dropbox, para enviar ficheiros de um lado para o outro. É comum os hackers disfarçarem a sua hiperligação Dropbox com um link malicioso em vez do link de acesso correto. 

Palavras mal escritas ou erros gramaticais

E-mails cheios de tipografias, gramática pobre, e erros que não seriam facilmente cometidos por grandes organizações são mais propensos a ser fraudulentos.

URLS escondidos

Por vezes, os hackers escondem Links web maliciosos em texto hiperligado. Em vez de clicar num link de um e-mail que não é 100% de confiança, pairando com o rato sobre o link,  dá para verificar onde nos está encaminhando, para garantir que o link malicioso não é clicado.